Wednesday, April 30, 2014

 

Oscar Quiroga - 2276

Nada busques

Data estelar: Data Estelar: Lua Vazia das 12h53 até 17h56, horário de Brasília

Durante o período de Lua Vazia suspende temporariamente todas tuas buscas, teus desejos, tuas pretensões, coloca tudo em modo espera e te permite viver sem nada buscar, sem correr atrás de resultado algum. Respira fundo e observa a vida fluir através do Universo, que não é lá longe nas estrelas, Tu te movimentas e experimentas ser no Universo. Durante o período da Lua Vazia, em vez de buscar ansiosamente viver, permite que a Vida se manifeste sem resistência através de tua presença. Achas isso difícil? Não vais dormir todos os dias, eliminando todas as resistências? Faze o mesmo, mas de olhos abertos, te entregando com confiança ao Universo e te deixando impressionar pelos sinais grandiosos que acontecem o tempo inteiro. Respira com alegria, o Universo é em ti, Tu és o Universo.

Labels:


Tuesday, April 29, 2014

 

Oscar Quiroga - 2275

Repetições


Se fosse possível observares o desenho que teus passos fizeram até aqui e agora, poderias observar com clareza tuas obsessões, essas que repetes na tentativa de obter regozijo ou de evitar sofrimentos. Se fosse possível te distanciares o suficiente de tua própria vida para observares o grande desenho que teus movimentos e atitudes produzem a todo momento, talvez te surpreenderias com a visão de uma figura geométrica tosca e simplória, e te surpreenderias com isso porque, de certo, consideras tua própria alma uma entidade sofisticada e complexa, porém, ela é uma entidade que se repete demais. Não há nisso nenhuma lição de moral, é uma constatação que todos devemos fazer em nome de começar a variar um pouco o repertório, utilizando vitalidade para ir na direção de novos horizontes, novas realidades.

Labels:


Sunday, April 27, 2014

 

Oscar Quiroga - 2274

 
TEUS IDEAIS

Identifica teus ideais, nunca os percas de vista, teus ideais são tua verdadeira identidade. Realizá-los ou não é irrelevante, afinal, o destino não é um lugar ao qual chegarias um dia, o destino é o caminho que inventares para aproximar teus ideais da realidade concreta.
Se por ventura te parece difícil realizá-los, isso significa que tua consciência se identificou mais com os obstáculos do que com os ideais, pois se tua identidade se preservasse, não terias tempo para gastar com adversidades, as considerarias detalhes sem importância.
Teu valor não se mede pelo tamanho dos teus ideais, mas pelo empenho que demonstres na tentativa de realizá-los, tanto quanto que o resultado disso te transforme a cada dia numa pessoa melhor, mais tolerante, mais bondosa, mais verdadeira e, por isso, mais bela também.

Labels:


Saturday, April 26, 2014

 

Oscar Quiroga - 2273

A unidade


Depois de uma grande e assustadora tormenta tua consciência valoriza mais o brilho do Sol, o canto dos pássaros e a brisa suave e fresca acariciando o rosto. Depois de se dizerem coisas terríveis, as pessoas também apreciam melhor o valor das companhias e do estreitamento dos laços de relacionamento. Num planeta esférico como o nosso, que é o padrão universal de planetas, de tanto ir para lá na tentativa de se distanciar se acaba chegando aqui mesmo. Na hora em que conheceres tão intimamente teus inimigos que te tornes capaz de vencê-los, terás começado a amá-los, por te identificares com as entranhas de seus pensamentos. São vãos teus esforços de dividir a realidade, o Universo é um colossal corpo cósmico e tudo e todos participamos da mesma Vida. Tua consciência perceberá isso.

Labels:


Friday, April 25, 2014

 

Oscar Quiroga - 2272

Supera o vício


Cuida para não te viciar em lutar contra o que te oprime, pois apesar de ser essa uma luta digna corres o risco de ficar só nisso e perder de vista aquilo que te faz um ser humano, a capacidade de criar novas realidades. É evidente que deves desintegrar o que te oprime, mas se fazes disso teu destino, então nunca criarás nada, só destruirás o que está aí e, uma vez feito isso, não saberás o que colocar em seu lugar. A destruição do que te oprime há de ser um mero efeito colateral de tua firme e boa vontade de criar e preservar um mundo que se aproxime dos teus mais elevados ideais. Assim, inadvertidamente desintegrarás qualquer coisa que tente te oprimir, e o farás sem grande gasto de energia, sem obsessão. Repousa tua mente e coração nos teus amigos e não nos teus inimigos.

Labels:


Thursday, April 24, 2014

 

Oscar Quiroga - 2271

Ajustes e consertos


Conserta o que por ventura estragaste, há dias que a realidade não tem sido de fácil administração e muito provavelmente o sangue ferveu e tomaste atitudes destrutivas. Em certa medida é preciso desintegrar parte da realidade para continuar criando algo melhor, porém, se isso se torna habitual, então o que sobraria para Tu viveres em paz e compartilhando benefícios com teus semelhantes. Os exageros acontecem, pois bem, agora conserta-os, teu valor não há de ser nunca medido pelos erros e exageros que cometeres, mas pela tua firme intenção de consertar os resultados. Isso sim é valioso! Qualquer ser humano se atreve a seguir o impulso destrutivo, poucos, porém, se dedicam a, com o coração em paz, consertar o estrago feito quando a cabeça fervia. Começa a fazer os devidos ajustes e consertos.

Labels:


Wednesday, April 23, 2014

 

Oscar Quiroga - 2270

O sonho da democracia



Todos contra todos, esse é o sonho dos déspotas, pois quanto maior a divisão, maior também a perspectiva de domínio. A união faz a força não é apenas um chavão, é o provérbio que descreve a força cósmica que se denomina fraternidade. O estímulo ao egoísmo e à competição indigna é contrário ao estabelecimento do que faria de nossa humanidade uma espécie admirável, capaz de façanhas que, por enquanto, permanecem em potencial, são ideais. Estimular que as pessoas se estranhem e odeiem, que enxerguem umas nas outras estereótipos em vez de seres humanos, esses são hábitos que todo governante não esclarecido estimula em seu povo, para que não se note sua incompetência de governar. Todos a favor do bem comum, esse é o sonho da democracia.

Labels:


Tuesday, April 22, 2014

 

Oscar Quiroga - 2269

O sacrifício


A personalidade é a interface a serviço da consciência humana para que ela intervenha e se impressione com a realidade objetiva. A alma é a interface a serviço da consciência humana para que ela intervenha e se impressione com a realidade subjetiva. O ideal é que a personalidade obedeça à alma, mas na prática, como nossa humanidade ainda não chama a alma de real, a personalidade, que não é boba nem nada, aproveita o vacilo da consciência e se apropria de toda a realidade, aprisionando e oprimindo a alma. O resultado disso é que a atividade objetiva humana não se apoia em nenhuma ordem, é, portanto, caótica, egoísta e predadora. O processo para reverter essa dinâmica é duro, mas é o sagrado serviço, o verdadeiro sacrifício.

Labels:


Monday, April 21, 2014

 

Oscar Quiroga - 2268

Adaptação desnecessária


Ainda que de tua observação da realidade não consigas destilar ordem nenhuma e, pelo contrário, que tenhas de conviver com situações e relacionamentos que não fazem sentido algum comparados com teu pressentimento de como as coisas deveriam ser, mesmo assim tua alma, observa bem o que digo, se agarra com tenacidade à ideia de que as coisas não acontecem por acaso, mas que o Universo se fundamenta sobre uma estrutura inteligente, que outorga sentido a tudo. Essa ordem cósmica, portanto, está oculta, porque nossa humanidade não a percebe, pelo contrário, tenta se adaptar ao oposto no seu dia a dia. Porém, há momentos em que a boa vontade de adaptar-se atinge seu limite. Não precisas mais te adaptar ao que discordar de teu ideal; intervém com firmeza e cria tuas realidades.

Labels:


Sunday, April 20, 2014

 

Oscar Quiroga - 2267

Cuidado com o que desejas



Cuidado com o que desejas, porque podes realizá-lo! Eis a advertência dos deuses, cientes da nossa incompetência. O mundo é como é pelo somatório de desejos, brandidos sempre com firmeza e urgência, mas com uma incompetência tamanha que resulta no que o mundo é. Para começo de conversa, a ciência de desejar deveria ser matéria obrigatória durante todo o processo educacional, mas isso só aconteceria se nosso mundo fosse outro, no atual essa ideia é utopia. O mundo é injusto porque nossa humanidade o deseja, o mundo é ignorante e medíocre porque nossa humanidade o deseja, o mundo é violento porque nossa humanidade o deseja. Não, Tu não desejas o genocídio intencionalmente, mas também finges que não tens nada a ver com isso.

Labels:


Saturday, April 19, 2014

 

Oscar Quiroga - 2266

Fica a sós com tua alma



Fica a sós com tua alma, supera o temor do silêncio, atravessa a barreira que impede o contato luminoso com teu ser interior, esse mesmo que normalmente não chamas de real por puro pudor. Chamas de real o mundo que teus cinco sentidos percebem, mas não chamas de real o que o sexto sentido percebe, a esse temes e, por isso, evitas ficar a sós com tua alma, preferes o barulho de conversas fúteis. Há um momento certo para essas conversas, porém, te estender nessas seria contraproducente, em especial quando é propício iniciares um diálogo real com teu ser interior, para começar a colocá-lo em seu devido lugar, o da realidade. Enquanto não chamares teu ser interior de real continuarás andando sem rumo pela vida afora. Fica a sós com tua alma, esse é um encontro profundamente qualificado.

Labels:


Friday, April 18, 2014

 

Oscar Quiroga - 2265

A natureza do caminho



Deverias saber que nem tudo que brilha é ouro nem espírito, há brilhos falsos, que produzem equívocos. Tua mente está confusa, pensa saber o que quer, mas no momento seguinte quer outra coisa que anula a anterior, e todas as ideias parecem brilhantes, por que então abandoná-las? Esse apego a um brilho falso um dia ainda vai te afundar, vai te fazer sofrer, se não é que já estás aí, sofrendo. Faze com que tua mente entre em modo convergência, te concentra num objetivo, foca todos teus recursos energéticos nesse objetivo e te torna independente das opiniões alheias, não sabes que não importa quão elevado seja esse objetivo, alguém por aí vai detestá-lo? Ajoelhando-te te elevarás, pela derrota vencerás. Sim! Primeiro te rende ao que é maior do que ti, só assim compreenderás a verdadeira natureza do caminho.

Labels:


Thursday, April 17, 2014

 

Oscar Quiroga - 2264

Pensa coisas belas


Pensa coisas belas porque Tu decides pensá-las, pensa coisas belas no exato momento em que as circunstâncias ao teu redor estejam apertadas. Pensa coisas belas nos engarrafamentos, pensa coisas belas quando recebas alguma ofensa, pensa coisas belas porque Tu queres, sem imaginar logo de cara que fazer isso seria uma forma de covardia, por não enfrentar as adversidades como elas são. Covardia é continuar reproduzindo a covardia que os humanos cometem quando se sentem poderosos em seus carros, covardia é autorizar-se a ofender os semelhantes. Pensa coisas belas porque o planeta em que existes é de uma beleza portentosa. Pensa coisas belas para ser uma pessoa melhor, pensa coisas belas para verificar o quão bela tua alma pode ser.

Labels:


Wednesday, April 16, 2014

 

Oscar Quiroga - 2263


IRRITAÇÃO


A irritação que circula através de tua presença não te autoriza a destruir o mundo, apesar de ser isso mesmo que sentes no teu interior.
Ninguém tem culpa pela tua irritação, ela é uma tensão que circula e que se apossa de tua consciência porque Tu te sintonizas com essa, durante muito tempo cultivaste o hábito de pensar que o mundo em que vives é um inferno e que merece ser destruído.
Nunca paraste para pensar nos milhares de famílias que disseminam bondade e ética? Também te parece que elas merecem ser destruídas? É por essas e outras que os humanos, potencialmente divinos, ainda não são deuses, pois não saberiam utilizar com elevação os instrumentos que só os deuses sabem brandir.
A irritação que sentes só podes senti-la porque és uma alma ofensiva, e isso diminui radicalmente tua divindade.

Labels:


Tuesday, April 15, 2014

 

Oscar Quiroga - 2262

Arma de destruição em massa


Faze amizade com o silêncio, evita passar para frente informações sem verificar sua procedência, honra as conexões das quais participas purificando tua mente e só permitindo que se reproduzam em ti conceitos e ideias que beneficiem as pessoas. Que benefício haveria para as pessoas ao se disseminar o medo arraigado do fim, seja esse o do mundo ou o da própria existência? Desperta! O medo é um instrumento habilmente manipulado por pessoas que não dão a cara, mas que se aproveitam de tua capacidade de falar e passar para frente informações para que, com medo, as pessoas se fechem e evitem criar laços de cooperação mútua. A doutrina do fim do mundo é um desses instrumentos de manipulação, uma arma de destruição em massa.

Labels:


Monday, April 14, 2014

 

Oscar Quiroga - 2261

Escatologia



A escatologia trata tanto das coisas que devem acontecer por volta do fim do mundo quanto também do que acontece no extremo oposto da alimentação. Até agora, o desejado fim do mundo só tem decepcionado nossa humanidade, nunca deu as caras quando anunciado. Porém, doutrina que se preze não deixa nunca a peteca cair, continua vendo os sinais claros e firmes. Agora circula na Internet a história das Luas Sangrentas, antiga nova modalidade de sinal inequívoco de que o fim do mundo está próximo. Com todo respeito que qualquer fé merece, a do fim do mundo não parece muito respeitosa, deseja que tudo se desintegre sem compaixão por ninguém. Todo discurso que trate do fim, como a alimentação, acaba dando em fezes.

Labels:


Sunday, April 13, 2014

 

Oscar Quiroga - 2260

Prepara-te



Vai te preparando para uma semana muito tensa, cheia de notícias e informações que intimidam e produzem apreensão, o mundo está numa enrascada e isso não é de agora. Acontece que de tempos em tempos isso vai ficando mais evidente. Se Tu te consideras um cidadão ou cidadã que se interessa pelo andamento da boa administração de teus impostos e do dinheiro público, então redobra tua atenção, pois em momentos assim poderás observar com clareza se aqueles que escolheste para te representarem são aptos para esse trabalho, e se não te lembras quem foi que escolheste, está aí uma tarefa para assumires. Não é possível que escolhas representantes e depois não monitores seu trabalho. Esse mundo em que vives precisa ser reciclado, não supre tuas necessidades, então, para que existe?

Labels:


Saturday, April 12, 2014

 

Oscar Quiroga - 2259

Pequenas tarefas


Finaliza essas tarefas que sempre deixas para depois, porque tua mente é cheia de pretensões maiores. Constrói esse destino enorme que almejas sentando bases firmes e sólidas, essas são feitas de todos os afazeres domésticos e corriqueiros que normalmente acharias pequenos demais para te interessares por esses. Conserta essa dobradiça que faz ruído, elimina o gotejar dessa torneira, a cada dia e a cada momento percebes essas pequenas coisas, te parece que essa percepção mereceria ser desconsiderada? Percebes o que percebes porque tua alma te chama a atenção para que respondas e te dediques a construir essas bases firmes e sólidas sobre as quais teu destino grandioso se assente e progrida sem correr o risco de um dia desmoronar, porque a grande pretensão cresceu sobre um terreno movediço.

Labels:


Friday, April 11, 2014

 

Oscar Quiroga - 2258

Iluminação


Tua mente não susta o raciocínio porque ainda não se defrontou com aquilo que qualquer palavra ou explicação estragaria, só a entrega contemplativa seria respeitosa o suficiente nesse momento. Imagina a beleza suprema, imagina o que te provocaria o que chamarias de assombro, mas que na prática seria seu contrário, pois tua alma não ficaria embasbacada diante da sombra, tua alma se entregaria sem reservas diante da luz. Diante do sublime Tu te iluminarias em vez de te assombrar, e Tu sabes, essa é tua busca, estar diante de algo ou de alguém que detenha a voragem viciada de pretenderes explicar tudo, como se nada demais nem de novo houvesse para enxergares e te iluminares. Retorna à inocência, retorna à capacidade de te surpreenderes com a vida, assim estarás mais perto dessa experiência sublime.

Labels:


Thursday, April 10, 2014

 

Oscar Quiroga - 2257

Lua Vazia

Data estelar: Lua que cresce em Leão está Vazia

Enquanto a agenda da civilização te manda trabalhar e produzir, os ciclos cósmicos te dão licença para te dedicares ao ócio, sem pudor, sem nenhum temor de fazer algo errado. Agora só falta combinar isso com essa civilização que nossa humanidade reproduz automaticamente sem questioná-la, imaginando que seu silencioso desespero deva ser um problema particular de cada pessoa e não um assunto a ser tratado em conjunto, produzindo regras civilizadas que sirvam a nossa humanidade e não o contrário. Essa opressão que sentes não é mera casualidade nem é algo que devas tratar com teu terapeuta, como se fosse um problema teu. Essa opressão que sentes é resultado de a civilização não atender tuas necessidades, mas de Tu servi-la em troca de nada. Lua Vazia te autoriza a te despreocupares, aproveita!

Labels:


Wednesday, April 09, 2014

 

Mensagem de Mãe Maria - 06/2014


Amados Filhos,

Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações.

A travessia dos Filhos da Luz rumo a Redenção se acelera, a luz se expande, e o ego, inconformado em perder sua ascendência sobre todos vós, tenta gerar mais confusão nas mentes e corações da humanidade.

É hora, pois, de vigiar vossos pensamentos, sentimentos e ações, para que possais perceber as artimanhas deste senhor - vossos egos – e não vos deixar enredar nos caminhos perigosos do egoísmo e da discórdia, que só fazem reforçar o caos e a escuridão em vossas vidas e em vosso planeta.

Lembrai-vos, que tendes sido escravos do ego por um longo período dessa vossa jornada, mas hoje se faz necessário reconhecer que a escravidão está prestes a findar.

A liberdade bate às vossas portas, e é hora de vos libertar de todas as camadas de densidade que a influência do ego vos fez acumular.

Cada camada que aí está reflete uma parcela de vosso poder crístico que entregastes ao ego como pagamento das muitas satisfações temporárias que obtivestes à custa de vossa liberdade, de vossa saúde, de vossa alegria, de vosso sustento, e que só geraram mais falta dentro de vós quando chegaram ao fim.

O ego não pode vos ofertar nada de duradouro; o ego só pode vos oferecer quimeras da plenitude que vivenciastes num passado distante, e que caíram em total esquecimento.

Este é o trunfo do ego, amados! Trabalhar em vós sabendo que vossa memória não vos oferece as lembranças de que não sois escravo, mas sim amo e senhor de vossos corpos, mentes e corações, um ser de luz que reconhece seus iguais e com eles se identifica e se relaciona em prol do bem comum.

Todavia, neste tempo já readquiristes o merecimento de relembrar; relembrar vossa origem, as lições a que fostes submetidos pela vida, às decisões que vos tiraram do caminho da retidão, as dificuldades que criastes para concluir vosso aprendizado por conta de vossos sentimentos egoístas, vossas atitudes impensadas, vossas falsas ações, sempre com o objetivo de trazer para vós o prazer, o prazer de ser um vencedor não importando o preço.

Contudo, amados, esse tipo de prazer - desvinculado da Justiça Divina e alimentado por vosso ego - sempre chega ao fim, como um castelo de cartas ao vento, eis que a luz não sustenta os guerreiros sem causa, aqueles que só pensam em si, aqueles que nunca ouvem o coração e seguem destruindo tudo que encontram por conta do egoísmo exacerbado de tudo ter, aqueles que escravizam para sempre ter mais.

O fim da escravidão, e a lembrança de quem sois, exige de vós uma nova consciência, exige verdade, transparência, exige responsabilidade.

Sim, amados, responsabilidade, aquela que vos faz senhores de todos os vossos atos, aquela que exige de vós compreensão, aquela que transforma limite e devolve a sabedoria, aquela que vos faz reconhecer vosso poder divino, aquela que cobra o uso desse poder, que exige a manifestação de vossos corações em todas as vossas atitudes, aquela que vos mostra que só o amor pode sustentar vossa trajetória e vos devolver a liberdade de ser, ser um Filho de Deus que reflete as atitudes do Pai na Terra para construir um mundo melhor.

Bem amados, é tempo de perceber como agem vossos egos; ele sempre vos convence que sois uma vítima do outro, ele sempre justifica vossas atitudes e ações convencendo-vos que o outro é o responsável por vossas tristezas, por vossos fracassos, por vossos medos e desilusões.

É o ego o responsável por vossas incertezas, e onde existe incerteza existe espaço para alimentar todo tipo de energia densa, que nada mais fazem do que vos jogar nos braços do medo, para que o amor continue esquecido no mais íntimo do vosso ser, e a desesperança vos leve à inércia de não mais querer lutar pela vida, por vosso espaço sagrado na Mãe Terra, por vossa felicidade e completude, pela vontade de manifestar novamente o ser de luz que sois.

É preciso sair da roda da ilusão, é preciso galgar os degraus que vos permitem ver a vida sob uma nova perspectiva, é preciso encarar a verdade e vencer o medo, para que a luz que permanece no fundo do vosso ser transborde novamente para abastecer o mundo, permitindo o despertar daqueles que ainda não perceberam que os grilhões da escravidão já se romperam e é preciso seguir em frente, buscando a luz no final do túnel, para reconhecer o verdadeiro sentido do viver.

Bem amados, que vossas orações sejam o combustível para o despertar de vossos irmãos, e que vossas trajetórias se concluam rapidamente, neste tempo de Redenção.

Bem amados, Eu vos deixo agora derramando sobre todos vós as minhas bênçãos e envolvendo a todos no meu manto de proteção, porque Eu Sou Maria, Vossa Mãe. 

SP-0704/2014-Mensagem de Mãe Maria recebida por Jane M. Ribeiro

 

Oscar Quiroga - 2256

Eu


Essa entidade sempre inflamada e cheia de si que te autoriza a falar de ti em primeira pessoa, o Eu, existe para que te integres conscientemente ao Universo em que te movimentas e experimentas ser. Essa palavra Eu te autoriza a que faças essa integração como uma viagem individual, original e única. Todos os Eus, porém, têm a mesma autorização, e aqui começa a complexidade. Se todos os Eus têm o mesmo direito, então não há tanta originalidade em fazer essa viagem individualmente, nem tampouco razão de cada Eu ser tão inflamado e cheio de si, afinal, todos os Eus participam da mesma presunção, tornando-a ordinária. De onde resulta que a verdadeira originalidade não consiste em cada Eu se sentir o máximo, mas no momento em que individualmente consegue se integrar ao Universo do qual retira essa sensação.

Labels:


Tuesday, April 08, 2014

 

Oscar Quiroga - 2255

Pratica tua humanidade


Conhece tua humanidade, conhece teu funcionamento, conhece como as coisas funcionam porque és uma alma humana. Além de estares aqui para fazer o que a natureza não alcança e produzir frutos que nenhum elemento da natureza consegue realizar, deves saber que para executar essa proeza necessitas brandir tua força de vontade, pois como nada do que fazes é natural não podes simplesmente confiar em teus instintos, esses são incapazes de chegar lá. Para chegar lá precisas do ímpeto que só a força de vontade é capaz de prover. Utiliza-a, ela te fará humano. E além de criar e de utilizar a força de vontade, precisas saber que o que fazes imprime uma marca, coloca uma ordem em marcha que será absorvida pelas gerações futuras. Pratica tua humanidade, cria, decide e ordena, isso dignificará tua humanidade.

Labels:


Sunday, April 06, 2014

 

Oscar Quiroga - 2254

Diagnóstico


No dia em que conseguires olhar através dos argumentos e justificativas sempre levantados em todas as discussões, sem te impressionar com o andamento da briga nem tampouco te envolvendo com a trama de ofensas e mágoas que se entretecem automaticamente através das pessoas, então terás dado um passo definitivo para não mais te repetires. Olhar através é conhecer o que está além, enxergar a trama mais profunda que, impassível, produz o que as pessoas nem mais querem que seja produzido, mas que são sobrelevadas por uma força maior que briga através delas, sempre resultando no mesmo, estresse. Enxergar através é diagnóstico, uma palavra grega hoje em dia utilizada pelos profissionais que precisam enxergar as causas dos sintomas. Busca as causas dos sintomas de tuas brigas, te liberta dessas.

Labels:


Friday, April 04, 2014

 

Mensagem de Mãe Maria - 05/2014


Amados Filhos,

Que as bênçãos do amor tragam paz aos vossos corpos, mentes e corações.

Momento de muitos desafios, momento que revela a cada um de vós a necessidade de exercitar grandes mudanças em vossas vidas, para tornar possível a elevação de vossas consciências na busca da concretização do bem comum.

Momento que exige ação, muita ação, para que os alicerces que sustentaram vossa realidade até este tempo possam ser tocados profundamente, permitindo a implosão das partes que nada mais fazem do que garantir vossa permanência no mundo do caos e da ilusão.

Iniciai a ação, amados, buscando não mais vos enredar nas velhas “causas” geradas pelo mundo da ilusão, causas alimentadas por preconceitos, por ódio e violência, por mágoas e incompreensão, causas que sempre deram origem a todo tipo de guerras e separação.

Centrai vossa atenção em vosso coração, para aí permanecer hoje e sempre, com a intenção de redescobrir vosso verdadeiro propósito e consequente caminho, para que as dúvidas deixem de ser uma constante em vossas escolhas, para que os hábitos tão arraigados em vossa jornada não mais vos levem às atitudes repetitivas, que nada vos trazem de bom, para que a correria do dia a dia deixe de oprimir vossas mentes e corações, dando vazão a tantas doenças geradas pelo desequilíbrio que a falta de tempo vos impõem.

O tempo aí está para vos servir; não vos deixai, pois, escravizar pelo tempo.

O nível de consciência disponível a todos neste tempo já permite que possais vivenciar vossas experiências indo muito além do tempo físico. 

Experimentai, amados, seguir a voz de vossa alma, colocando vossa atenção no que ela vos revela, cumprindo as tarefas que vos são por ela apontadas sem a preocupação com os ponteiros do relógio, simplesmente agindo na concretização de tudo aquilo que ela vos mostra ser importante no vosso dia a dia, para chegardes ao final do dia e perceber que tudo foi concluído, e que podeis ainda desfrutar do tempo restante, antes que chegue a vigília, para expressar gratidão a vossa alma por essa maravilhosa parceria que vos retira do tempo da ilusão.

Oh amados, quanto tendes a ganhar nessa parceria!

Tempo, alegria, contentamento, saúde, paz; é esse o retorno que a vida vos oferece quando desafiai a vontade de vosso ego para dar prioridade ao clamor de vossa alma.

É assim que saireis do limite, é assim que reencontrareis o discernimento e a clareza para agir, é assim que alimentareis o mundo e a vós com amor, paz, perfeição.

Esta é a hora, amados, este é o momento tão esperado na longa travessia, momento da decisão, momento da escolha final, momento onde o coração clama pela manifestação de uma nova consciência em cada Filho da Terra, momento do resgate da herança que vos devolve a perfeição e a sabedoria, para o renascer do Cristo em vós.

Que possais, pois, compreender a importância deste momento, momento em que vossas atitudes precisam refletir a consciência crística, momento em que o velho mundo fenece para que o novo floresça, e com ele possam florescer também todas as almas que tem caminhado em vosso planeta para resgatar o merecimento de ser feliz.

Bem amados, que vossas orações impulsionem a vontade de todos os vossos irmãos, vontade de agir e mudar, vontade de transformar limites, vontade de se despir da camisa de força imposta pelo ego para caminhar livre pelo planeta azul.

Bem amados, Eu vos deixo agora derramando sobre todos vós as minhas bênçãos e envolvendo a todos no meu manto de proteção, porque Eu Sou Maria, Vossa Mãe.

SP-31/03/2014-Mensagem de Mãe Maria-05-2014 recebida por Jane Monachesi Ribeiro.

Labels:


 

Oscar Quiroga - 2253

Incoerência


A incoerência é inevitável, não importa o quanto a civilização, especialmente a ocidental, fizer para exaltar a coerência como uma virtude e seu oposto como uma fraqueza que há de se combater. A incoerência é inevitável porque nossa consciência lida com infinito e estreiteza ao mesmo tempo, oficializando isso como o convencimento popular de que cabeça e coração não se entendem. Cabeça e coração são a mesma coisa, a mente é coração e vice-versa, não há ser humano racional que deixe de se emocionar com coisas pueris, é lenda a ideia de que os racionais são frios e distantes, o que eles fazem é se esforçar titanicamente para controlar as emoções, isso sim! Não vale a pena gastares tanto esforço para tentar ser coerente, melhor ser inteiro e transparente, isso sim!

Labels:


Thursday, April 03, 2014

 

Oscar Quiroga - 2252

Pega leve


Aqui não é o inferno, mas se Tu te convences de sê-lo, então o inferno será em ti e Tu serás responsável por irradiar essa influência ao mundo, todos os que contigo entrarem em contato serão contaminados. De vez em quando a alma acorda se sentindo no inferno, isso sim! Pois bem, o ânimo não está nos píncaros da glória o tempo inteiro, também transita pelo lado selvagem da vida, em labirintos de duvidosa reputação que foram consolidados ao longo do tempo e das gerações. Te desapega da glória e também te desapega da selvageria, Tu podes transitar por todos os âmbitos e ânimos sem que isso signifique sucumbires a essa oscilação. Nem todos os dias a alma está bem disposta, por que forçar que seja diferente? Pega leve com tua alma.

Labels:


Wednesday, April 02, 2014

 

Oscar Quiroga - 2251

Teus questionamentos


Mais uma vez, tuas obrigações limitam tua vontade de transformar tudo, de ser a alma livre que sabes ser. Mais uma vez enxergas com enfado a realidade em que tua alma está inserida, te questionando as razões de ter chegado até aqui e agora quando pretendias outras coisas muito mais interessantes. Teus questionamentos são úteis somente na medida de constatar que precisas fazer ajustes, pois se os utilizas para te atormentar, esses não apenas serão inúteis, como contraproducentes também. Tu não sofres mais nem melhor como resultado da constatação das limitações, esse sofrimento é de toda nossa humanidade, nada há de especial em sofrer. Sofrer é um sentimento vulgar, com todo respeito pelos sofredores.

Labels:


Tuesday, April 01, 2014

 

Oscar Quiroga - 2250

Tua influência


Mede o alcance de tua influência, pois esse será o alcance de tua responsabilidade também. Responderás por tudo que influenciares, lembras do trecho de ‘O Pequeno Príncipe’? "Tu te tornas responsável por aquilo que cativas." Nada poderia ser transmitido com maior clareza, ou ainda não entendeste? Observa então! Tuas palavras produzem sentimentos e impressões, teus gestos movimentam forças da natureza, teu corpo exala aromas, tua mente intervém nos acontecimentos, tuas intenções são irradiadas através dos comentários e das piadas que dizes. Tua alma está sob a influência de outras pessoas, Tu és uma alma que cativa outras pessoas sob tua influência. Pensas que isso não gera responsabilidade? Tu tens de responder por essa influência, queiras ou não, pois essa é a lei, é assim que funcionam as coisas.

Labels:


This page is powered by Blogger. Isn't yours?