Monday, September 27, 2010

 

Nova Campeã Brasileira de Longevidade


Neste meu blog eu já comentei diversas vezes sobre a campeã brasileira de longevidade, a mineira negra Maria do Carmo Jerônimo, que viveu 129 anos. Este ano de 2010 viu surgir uma nova campeã de longevidade (outra mulher...), Maria Olívia da Silva, que morava no Estado do Paraná - Brasil.

Maria Olívia da Silva nasceu em Varsóvia, na Polônia, em 28 de fevereiro de 1880, e faleceu na noite de 8 de julho de 2010, em Astorga (Distrito de Içara) - Paraná (Brasil), depois de passar mal após o jantar, portanto com 130 anos, 4 meses e 8 dias de idade. Os documentos originais de nascimento de Maria Olívia foram queimados acidentalmente quando ela morava na cidade de Centenário do Sul (PR), na década de 1960. Por isso, o Guiness Book, o livro dos recordes, nunca a reconheceu como a mulher mais velha do mundo. Maria Olívia veio para o Brasil quando tinha 3 anos de idade, e foi registrada em Itapetininga (SP). Ela se casou duas vezes e teve dez filhos naturais e quatro adotivos. Desses todos, apenas três estão vivos.

Vaidosa, gostava de ganhar presentes, de se perfumar e estar rodeada de pessoas. Evangélica há 53 anos, adorava ver sua casa cheia de "irmãos". Ela dizia que o segredo de sua longevidade era a sua dieta baseada em banana e feijão.

Fontes:
1. Jornal O Estado de S. Paulo, pg. C4, 10 de julho de 2010.
2. Jornal Correio Popular, Campinas-SP, pg. A18, 10 de julho de 2010.

Labels: , , ,


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?