Thursday, September 22, 2011

 

Oscar Quiroga - 1391


O AVESSO


É normal que se olhe as pessoas com desconfiança, pois os argumentos da prudência alimentam esse exercício. É normal, mas é perverso também, porque o olhar desconfiado obriga os semelhantes a comprovarem sua honestidade e, paradoxalmente, quando alguém é verdadeiramente inocente se sente acuado com o olhar desconfiado, logo parecendo culpado. Já os culpados são frios e não se intimidam com o olhar desconfiado, logo parecendo inocentes. Assim vai a história em seu curso inexorável de autodestruição, pois contrária à Lei da Vida, que não é palavra morta em livro empoeirado, mas a coluna vertebral de toda manifestação. Uma civilização que se baseia na desconfiança e que por isso pune os inocentes e exalta os culpados não merece ser chamada de tal, deve ser destruída porque é o avesso do que apregoa ser.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?