Tuesday, November 15, 2011

 

Oscar Quiroga - 1441


A LÁSTIMA


Apegados como somos a uma consciência fragmentada que pressente o infinito em seu Ser, mas não consegue sustentá-lo, é inevitável que façamos uma leitura fragmentada da realidade e por isso equivocada. Porém, cheios de nós mesmos como somos, em vez de assumir nosso engano passamos a culpar o mundo e nossos semelhantes porque nos enganam, só que para fazer isso temos de inventar argumentos e ideações que são verdadeiras barricadas mentais que erguemos contra nós mesmos, nos convencendo de que essas servem para nos defender contra os que nos enganam. Passamos a maior parte da existência na sombra de nosso próprio engano só porque não tomamos a iniciativa de revelar a luz que carregamos em nossos próprios corações. Uma lástima!

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?