Monday, April 30, 2012

 

Oscar Quiroga - 1592

 

Ego

 

Suspeito que a condenação sistemática de tudo que se refira ao ego resulte de um politeísmo arraigado na alma. Acontece que o ego é a entidade criadora por excelência, o Deus único que se multiplica em infinidade de entidades criadoras, todas chamando a si mesmas de Eu. Por que, então, não nos entendemos todos e unificamos esforços criativos para fazer maravilhas? Na prática acontece exatamente o contrário, vemos com desconfiança os Eus semelhantes, competimos e pretendemos destruir aqueles que se atrevem a tentar criar algo no âmbito que consideramos nossos territórios cósmicos particulares. Por que um ego, deus criador, faria isso com os outros egos, deuses criadores também? Certamente porque se ilude pensando que, sendo Deus único, esse deve ser Eu, e falsos todos os outros deuses.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?