Thursday, July 19, 2012

 

Oscar Quiroga - 1670

Vida perfeita


A Vida é divina e renova constantemente sua manifestação para honrar o aperfeiçoamento que aproxime a realidade concreta cada vez mais do ideal. O que poderia haver de mal nisso? Porém, nós por aqui tememos a renovação, porque essa inclui a perspectiva de morrermos, de as coisas às quais nos apegamos terminarem. Tolice nossa! Por que continuaríamos nos apegando ao imperfeito conhecido em vez de acelerar o processo de aproximar-se do perfeito? Teoricamente ninguém faria isso, mas na prática é a atitude que tomamos a cada instante, a que preenche a maior parte do tempo de nossas breves existências. Fazer contato com a fonte divina, a Vida de nossas vidas, resolveria o anseio que nos movimenta, e dessa forma mataríamos a morte que nos mata, porque da fonte de vida eterna beberíamos.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?