Wednesday, August 15, 2012

 

Oscar Quiroga - 1696

Sórdida


Nossa humanidade tem uma queda pelo sórdido, adora, por exemplo, pagar para assistir a um filme que a faça sentir medo e conduza sua mente por labirintos sinistros. Essa seria, porém, a manifestação inofensiva de sua queda pelo sórdido. O problema consiste em que ela mesma se dedica a criar esses labirintos intrincados mediante os quais se dissemina miséria e se empurram problemas enormes aos semelhantes em nome de bons negócios ou de satisfazer desejos particulares. Em poucos casos, afortunadamente, a sordidez derrama sangue e atenta contra os básicos princípios que tornam nossa espécie merecedora do nome humano. Hoje parecem se reunir todas as condições para que os aspectos mais indignos e indecentes se manifestem.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?