Tuesday, October 02, 2012

 

Oscar Quiroga - 1741

Prazeres simples


Sempre será propício lançar mão de pequenos e simples prazeres que sirvam para promover alegria e bem-estar, pois sem isso a complexidade existencial se torna avassaladora e ninguém merece ter a alma esmagada por ela. A alegria deve ser recuperada e para isso se encontram disponíveis os pequenos e simples prazeres que cada um de nós escolhe de acordo com a inclinação e personalidade, cuidando para que o prazer particular não seja ofensivo ou ameace o bem-estar alheio. Ser bons adultos não é tanto adotar a cínica postura de rejeitar sumariamente os fugazes momentos de simplicidade, mas perceber que, talvez, haja algo muito errado na configuração do mundo, que pretende nos colocar na saia justa de nos afastarmos da alegria de viver para existir em constante preocupação e angústia.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?