Tuesday, October 16, 2012

 

Oscar Quiroga - 1755

O raciocínio intencional


Ainda que pelo crescente número de humanos se entregando à estupidez e engrossando o coro da decadência pareça surgir o panorama de que os princípios eternos teriam sido derrotados, um raciocínio desses só poderia ser alimentado de ignorância, porém, não daquela que resulta de falta de estudo ou nutrientes, mas da ignorância de assumir conceitos equivocados e substituir os princípios por esses. Algo assim não acontece por efeito do panorama de tolices que a humanidade desenvolve, mas como resultado de uma decisão íntima, a de se entregar à estupidez e engrossar o coro da decadência. Nossa humanidade não é o que lhe acontece, nossa humanidade é o que faz com o que lhe acontece, ou ainda há em sua alma alguma dúvida a esse respeito?

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?