Monday, June 10, 2013

 

Oscar Quiroga - 1978

Os instrutores


Nossa humanidade é nossa humanidade porque opera com uma margem de manobra que chama de livre-arbítrio, seu regozijo e seu tormento. É seu regozijo porque disponibiliza a perspectiva de ir além das condições e circunstâncias dadas. É seu tormento porque o livre-arbítrio seria impossível sem sofrer com dilemas e dúvidas. Essa margem de manobra, porém, não é ilimitada, porque nossa humanidade não é o único reino da natureza e o Universo funciona de acordo com a Lei de que todos os mundos progridem sempre na direção de Algo Maior. Se nossa humanidade, através do livre-arbítrio, distorce essa Lei a ponto de danificar o progresso dos outros reinos ou de entidades de seu próprio reino, então os mundos superiores a nós intervêm, sacrificando a si mesmos de puro amorosos que são, caminhando entre nós na forma de Instrutores.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?