Tuesday, July 02, 2013

 

Oscar Quiroga - 1999

O tapa



O exercício da fantasia é, constante e mentalmente, fazer a relação das coisas que poderiam ter sido, não fosse que não aconteceram. Há um prazer envolvido nesse exercício, pois de outra forma nossa humanidade não se concentraria nesse com tanto afinco. Porém, há prazeres imediatos que produzem dores posteriores. Ingerir açúcar, por exemplo, há algo de muito bom em se refestelar com doces, que levante a mão quem não tenha caído na tentação de comer muitos doces de uma vez só! Todos os que levantaram a mão conhecem, também, o mal-estar provocado por essa satisfação impulsiva. Com o exercício da fantasia acontece o mesmo, quando o tempo gasto nessa é exagerado, logo vem a mão da realidade a dar um tapa nada prazeroso para que a mente se recomponha. A gente não gosta, mas sem isso perderíamos o contato com a realidade.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?