Saturday, January 11, 2014

 

Oscar Quiroga - 2173

O amor


Tu és as conexões que percebas, teu progresso está eternamente vinculado às conexões que desenvolvas, tua própria capacidade de perceber é baseada nas conexões. Aliás, as conexões são infinitas, mas Tu terás de decifrá-las e desvendá-las, essa será a base de teu eterno progresso. As conexões são um fato cósmico, tudo está interligado, pois é assim que as coisas funcionam, isto é o que no oriente chamam de Dharma. O Dharma é o amor, o amor é as conexões, quanto mais conexões decifres e percebas, mais amor serás capaz de oferecer e irradiar através de tua presença. Assim constatarás que o amor não é mero sentimento, mas uma dádiva que se verte através de cada uma das entidades que compõem o infinito Universo.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?