Monday, June 09, 2014

 

Oscar Quiroga - 2313


Tu és o ardor de teu coração

Longe da perfeição que anseias, te encontras agora na encruzilhada para decidir o que fazes. Desistes de uma vez por todas de teus sonhos prefeitos? Redobras teus esforços ao constatar o quão longe te encontras do que buscas? Ou talvez empenhas teu ardor em criar uma maquiagem confortável e nela te acomodar, fingindo que a perfeição seria apenas uma aparência? Tuas escolhas dirão quem verdadeiramente és, pois um ser humano não é as circunstâncias que o rodeiam, um ser humano é aquilo que decidir fazer com as circunstâncias disponíveis. A constatação dos erros e desvios é extremamente dura, mas não podes te abster de fazê-la, sob pena de tomar uma decisão sem querer assumir que a tomas, a de maquiar a imperfeição. Tu és o ardor de teu coração, esta é a lei escrita com a mão de ferro do destino.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?