Tuesday, February 17, 2015

 

Oscar Quiroga - 2555

Um novo começo



Tudo que fizeste e o que deixaste de fazer conduziu teus passos até aqui e agora, não tens direito de culpar ninguém por te encontrares na condição em que te encontras. Porém, essa constatação tampouco há de autorizar-te a que carregues em tuas costas a dor do mundo, apenas verifica-a e por esse reconhecimento faz o árduo esforço de discernir o que é teu e o que é do mundo, mas ao mesmo tempo reconhece também que o mundo não é uma entidade distante e desvinculada de ti, aquilo que fazes ou deixas de fazer agrega ao somatório que é esse processo mundial. Faz isso sem amargura no coração, pelo contrário, abençoa tudo para desamarrar tua alma e com ares de liberdade e independência decide um novo começo. Isso é completamente disponível, mas não acontecerá automaticamente.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?