Sunday, September 13, 2015

 

Oscar Quiroga - 2758

O filho da necessidade


As tradições não existiram sempre, surgiram para suprir necessidades específicas e se cristalizaram através do tempo, sendo repassadas ao longo das gerações. As tradições não são eternas, algumas duram tanto tempo que o parecem, mas em nome da razão que as faz existir precisam ser destruídas para que outras melhores as substituam. Inúmeros humanos enxergam isso como o fim do mundo e apregoam o apocalipse, imaginando que sem essas tradições tudo se transforme em caos. Na verdade, são eles mesmos que produzem o caos ao preservarem tradições que não são mais necessárias e que, por continuarem a ser observadas, resultam em distorções, as mesmas que alimentam o pensamento de que o mundo esteja prestes a acabar. O mundo não acaba, mas se transforma, porque o mundo é o filho da necessidade.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?