Saturday, December 05, 2015

 

Oscar Quiroga - 2841

Veneno e antídoto

A qualquer momento, pela força da inércia, participarás do envenenamento de alguém através de uma fofoca, aquele murmúrio ensurdecedor que resulta do somatório de pessoas fazendo uso do complexo sistema de produção de palavras em nome de assumirem a postura de supostamente conhecerem mais da vida de alguém do que a própria pessoa em questão, autorizando-se, por isso, a passarem adiante informações. Essas não são informações, são venenos sociais, dos quais todos participamos em maior ou menor escala; ninguém está livre, estamos todos sob o peso de uma nuvem densa de meias verdades e mentiras que nos dispersam. Esse veneno é, ao mesmo tempo, o antídoto que terás de usar para desintegrar essa nuvem densa de meias verdades e mentiras, que em algum lugar tem a tua assinatura venenosa e que deverá transformar-se em antídoto.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?