Monday, May 30, 2016

 

Oscar Quiroga - 3008

 A PALAVRA
Apesar de nossa humanidade usar a palavra sem a menor dignidade que merece tão poderoso instrumento, de vez em quando surge alguém que articula melhor as palavras e argumenta com tal razão que demonstra ser esse um instrumento que merece mais reverência. 

Há uma enorme diferença entre falar por falar, e falar com a mente, o coração e o corpo alinhados com o que se diz.

Falar bem não é mera questão de estética, é o resultado de um exercício constante que, inclusive, se fundamenta no silêncio como maneira de perceber o valor daquilo que é proferido.

Observa, senão, o quanto teus segredos são mais valiosos do que aquilo que comentas sem a menor cerimônia o tempo inteiro.

Saber calar é, ao mesmo tempo, abster-se de reagir e ganhar tempo para articular melhor o raciocínio. Isso não é privilégio, isso é ser humano.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?