Tuesday, July 12, 2016

 

Oscar Quiroga - 3050

Equanimidade


Nunca poderás julgar acertadamente ninguém ou qualquer acontecimento se em primeiro lugar não desenvolveres a virtude da equanimidade, e se nunca ouviste esta palavra, melhor seria que te inteirasses a respeito dela, pois, sem essa virtude continuarás sendo parcial e, como resultado de tua parcialidade, continuarás também ricocheteando de forma incessante entre dores e prazeres. A equanimidade é a única que te capacita a aceitar a parcialidade de tudo e a não tomar partido de nada, mas a aceitar que a construção minuciosa de tua evolução não reside em seres completamente do bem ou totalmente do mal, porém, em ser humano apenas. Nenhum ser humano bom é absolutamente bom, nenhum ser humano mau é totalmente do mal. Enquanto tua consciência não aceitar esta verdade, continuarás sendo parcial.

Labels:


Comments: Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?