Saturday, February 26, 2011

 

A Depressão Leve


Veja o que Ryuho Okawa [1] tem a dizer para combater a ocorrência de depressão leve.


Pergunta: Há muita gente sofrendo de depressão leve nos dias de hoje. Por favor, o senhor pode explicar as causas e falar das medidas para combater esse mal, de um ponto de vista espiritual?

Resposta: Em primeiro lugar, quando consideramos as causas dessa condição, descobrimos que, na maioria dos casos, há algum tipo de influência espiritual negativa em ação.

No entanto, o que eu gostaria que você lembrasse é que o ser que está possuindo ou influenciando uma pessoa e a pessoa influenciada estão, ambos, na mesma sintonia vibratória.

Em tais situações, vários tipos de espíritos são atraídos, mas, examinando esses espíritos, vemos num instante que a mente (o coração espiritual) da pessoa está doente. Uma entidade que não tenha afinidade com a pessoa não aparecerá. Sempre, e isso nunca falha, há algum tipo de familiaridade. Esse é um princípio fundamental.

Por isso, se a pessoa descobre que está sendo influenciada por algum tipo de interferência espiritual, ela deve examinar a si mesma para certificar-se de que, em seu coração, não há nada que possa atrair esses espíritos negativos.

Primeiro recurso contra a depressão leve - Reflita calmamente sobre o estado de seu coração

Nessa situação, o ensinamento da autorreflexão é o que tem o efeito mais poderoso. A autorreflexão é o caminho correto para a cura. Então, calmamente, analise profundamente o que existe dentro de seu coração.

Quando espíritos aproximam-se de uma pessoa, ou quando ela é propensa a sofrer interferências espirituais, a reação mais comum é a tendência de pôr a culpa do que acontece de errado em outras pessoas (escolhe-se "bodes expiatórios"). A reação imediata é essa. É inevitável que a pessoa comece a dizer: "Foi fulano que errou", ou "A culpa é de beltrano".

Se essa tendência se manifestar, reflita seriamente para ver se essa é realmente sua própria opinião. A idéia é sua mesma ou veio de algum espírito que o fez pensar dessa maneira? É preciso refletir sobre isso com muita calma.

Antes de culpar alguém, serene o seu coração e depois o examine para assegurar-se de que não há nenhum problema perturbando-o. Se houver, isso significa que você precisa praticar a autorreflexão, mesmo que isto leve algum tempo, vá retirando, uma por uma, todas as nuvens de perturbação de seu coração. Se conseguir reconhecer suas próprias falhas e arrepender-se delas, com certeza você se tornará mais forte. Assim, praticar a autorreflexão é a primeira opção.

Segundo recurso contra depressão leve - Não lute, de tempo ao tempo

Outro método para lidar com a depressão leve, quando tudo parece sair fora dos trilhos, é tentar não reagir demais. Em algum momento, você pode pensar: "Preciso fazer alguma coisa a respeito disso, imediatamente". Mas, se você se preocupar demais, acabará por se enredar cada vez mais na armadilha.

Um princípio básico é que a possessão por espíritos malignos não dura para sempre, pela simples razão de que o verdadeiro lugar deles é no Inferno. O Inferno é um mundo de ressentimentos emaranhados, de enganos e perseguições, onde todos são cheios de más intenções. Mesmo que os habitantes desse mundo infernal se apossem de pessoas encarnadas na Terra, isso será temporário, porque, se a possessão prolongar-se demais, eles também começarão a sofrer, pois as vibrações do Inferno e as do nosso mundo físico são diferentes.

A pessoa possuída sofre, mas o mesmo acontece com o espírito que a possui. Por favor, lembre-se desse fato. Em particular, a pessoa possída deve praticar a "busca do correto coração", o que fará o espírito obsessor sofrer de modo considerável. Pense nisso da seguinte forma: "Estou sofrendo, mas aquele do outro lado também está". Tal situação não pode durar muito tempo.

Assim, mesmo que uma pessoa ainda não tenha despertado espiritualmente de modo completo, ela pode esperar a libertação dentro de mais ou menos três meses, seis, no máximo. Se adotar um estilo de vida equilibrado, certamente o espírito dominador irá embora. Se a possessão causou uma depressão leve, isso também acabará.

A razão disso é que os companheiros do espírito, no Inferno, querem ter certeza de que ele voltará para seu meio. Eles o puxarão de volta, dizendo: "Quanto tempo você acha que vai continuar se divertindo?"

Então, por favor, dê tempo ao tempo. Se você lutar e fizer alguma tolice, você acabará por conseguir resultados indesejáveis. Portanto, um pouco de paciência é o melhor remédio. Se você tiver resistência suficiente para esperar seis meses, eu lhe garanto que as coisas mudarão para melhor.

Terceiro recurso contra depressão leve - Prepare-se para o pior

Outro método é a pessoa manter o pensamento positivo. Se estiver sempre pensando em coisas ruins, inevitavelmente você cairá nas garras de espíritos malévolos. Quando você está com uma leve depressão e sob forte influência espiritual, a pessoa tende a ver pequenas coisas negativas como se fossem enormes. Algo ruim, mas pequeno como uma unha, pode assumir proporções gigantescas. Muitas vezes, os menores contratempos parecem questões de vida ou morte que se tornam problemas monumentais com capacidade de abalar a Terra.

Em tais momentos, é necessário fazer o coração serenar. Alcançada a serenidade, a pessoa deve pensar: "Mesmo que eu perca minha vida, ninguém pode tirar de mim o meu espírito imortal".

Como o espírito humano é imortal, não há nada, realmente, que nos possa ser tirado. Nós temos um espírito imortal e vida eterna. A vida, nesse sentido, não é algo que podemos perder. O pior que nos pode acontecer é perder a vida neste mundo físico. Em geral, as situações ruins surgem devido a problemas no relacionamento familiar, pelo fato de não sermos benquistos ou de perdermos o emprego.

Tirar de nós nossa vida eterna, porém, ninguém pode. Como isso é impossível, você deve tentar avaliar qual seria o pior desfecho de uma situação e preparar-se adequadamente para isso, pensando: "Acredito que conseguirei continuar vivendo, mesmo nessas circunstâncias adversas". Se você estiver preparado para o pior, não ficará desnorteado. Então, depois de fortalecer seu espírito dessa maneira, se esperar um pouco, logo será capaz de ver várias "sementes de luz".

Embora até encontrar essas sementes você possa ter nutrido pensamentos negativos, coisas boas começarão a acontecer. Não há razão para você continuar pensando negativamente. Se tiver paciência para esperar que se passem seis meses, um mês, ou quinze dias, coisas boas começarão a acontecer em sua vida; então, procure não perder as oportunidades que surgirem.

É preciso nutrir essas sementes. Pense nas boas coisas que você fez, em boas coisas que aconteceram em momentos felizes e com isso tudo, nutra boas sementes para que elas germinem. Assim, expandindo sua felicidade, a infelicidade desaparecerá. Esse método de acender uma vela para dissipar a escuridão é, de fato, uma ótima estratégia.

Para pessoas que sofrem de depressão leve, pode ser difícil lutar contra o lado negativo de si mesmas e, para remediar isso, é bom que elas comecem a usar a força do pensamento positivo, acostumando-se a "procurar apenas o que existe de bom".

Esse procedimento geralmente é recomendado para pessoas sob alguma influência espiritual. Mas, o que você deve fazer, se alguém que você conhece está nessa situação?

Primeiro, elogie a pessoa, exaltando tudo o que ela tem de bom. Começando por aí, você garantirá o melhor efeito. Se você criticar os seus pontos fracos, a pessoa simplesmente ficará mais descontrolada. Por essa razão, não se esqueça de elogiá-la e conversar com ela sempre de modo alegre e animador.

É importante envolvê-la numa atmosfera harmoniosa. Um círculo protetor de amizade, apoio e pensamentos animadores, formado por amigos, é importante. A pessoa pode não conseguir vencer os maus espíritos sozinha, mas com pessoas reunidas à sua volta para ajudá-la, esses espíritos não terão força para derrotá-la.

Alguém que olha apenas para o lado escuro de tudo certamente encontrará escuridão. Mas quem olha para o lado da felicidade verá aumentarem seus motivos para ser feliz. Por favor, esforce-se para sempre ver o lado bom de tudo. E sempre tem o lado bom de tudo...

Referência:
[1] Ryuho Okawa, Curando a Si Mesmo: A Verdadeira Relação entre o Corpo e o Espírito, Editora Cultrix, 2010. ISBN 978-85-316-1102-5.

Labels: , , , , ,


Comments:
"Um princípio básico é que a possessão por espíritos malignos não dura para sempre, pela simples razão de que o verdadeiro lugar deles é no Inferno. O Inferno é um mundo de ressentimentos emaranhados, de enganos e perseguições, onde todos são cheios de más intenções. Mesmo que os habitantes desse mundo infernal se apossem de pessoas encarnadas na Terra, isso será temporário, porque, se a possessão prolongar-se demais, eles também começarão a sofrer, pois as vibrações do Inferno e as do nosso mundo físico são diferentes."

Que coisa ridícula, um sujeito que se propõe ajudar aos demais e possui a mente ainda presa à fantasias de ceu e inferno . . .
 
Post a Comment

<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?